Música “irlandesa”

Por razões óbvias, tudo que tem relação com a Irlanda atrai meu interesse. Há algum tempo eu descobri algumas bandas que apesar de não serem irlandesas, brincam com a música tradicional da Irlanda e misturam com algum outro tipo de música, normalmente o punk rock. Quando me deparei com grupos não-irlandeses misturando as duas coisas fiquei com um pé atrás, mas depois que ouvi percebi que a combinação é bem legal. E, claro, eu ouço e lembro ainda mais da Irlanda e o resto vocês já imaginam.

Flogging Molly

A banda é da Califórnia, mas o vocalista nasceu em Dublin. Eles misturam música celta e punk rock e o som é sensacional! Dá vontade de ouvir e sair dançando! Aliás, o Molly do nome da banda é por causa da Molly Malone. A música aqui embaixo é uma das mais famosas deles.

The Rumjacks

A banda é australiana e toca o que eles chamam de folk punk. O song é muito bom, sério, ouçam!

Dropkick Murphys

Outra banda americana, dessa vez de Massachusetts. Também tocam o que chamam de punk celta. E, gente, a música é demais!

É continuar ouvindo essas músicas e volto para Irlanda em 3, 2, 1…. 😉

Publicidade

The Corrs

Sabia que U2 não é a única banda irlandesa que existe? há.

The Corrs é formada por 4 irmãos (Sharon, Caroline, Andrea and Jim) que se juntaram após a audição para o filme irlandês The Commitments em 1991. Mas eles só ficaram mundialmente conhecidos em 1994, quando foram convidados para tocar na Copa do Mundo dos Estados Unidos.  

O som da banda é uma combinação de música pop com a tradicional música celta e todos os irmão são músicos. Eles tocam piano, violino, flauta, bateria, guitarra, acordeon e o bodhrán, que é um instrumento musical de percussão irlandês.

The Corrs em cover de “Everybody hurts” do R.E.M.

“Summer Sunshine”, minha preferida.

O tal do bodhrán.

😉