Turku, Finlândia

Na volta da viagem aos países bálticos, como ainda tinha um final de semana antes do fim do break, achei que seria interessante conhecer mais algum pedacinho da Finlândia e escolhi visitar Turku, cidade que já foi capital do país. Passei um dia em Helsinki com um amigo (e como eu já visitei a cidade antes, aproveitei para descansar só) e no dia seguinte peguei o ônibus para Turku, que fica a apenas 2 horas da capital.

Turku é provavelmente a mais antiga cidade finlandesa, fundada no fim do século 13.  Foi a capital do país até o início do século 19, quando a região da Finlândia passou para o domínio do Império Russo e a capital transferida para Helsinki. Já foi a cidade mais populosa do país por muito tempo, mas hoje em dia tem apenas 183 mil habitantes, sendo menor ainda que Oulu.

Turku
Turku

Não cheguei com muitas expectativas e fiz apenas uma rápida pesquisa no Google sobre o que fazer na cidade. Para minha imensa alegria, o dia estava super lindo, com um céu super azul e uma delícia de sol!

Da rodoviária até o nosso hotel-hostel era 3.5km de distância e fomos a pé porque não havia rotas de ônibus para lá. Estamos falando de Finlândia, então já coloquem os preços lá em cima para entender porque escolhemos um local tão afastado do centro – pagamos 26 euros/diária cada um para dividir uma cabine num barco! Sim, isso mesmo, nosso hostel era um barco!

hostel
O barco hostel

A ideia de se hospedar em um barco, no começo, foi muito empolgante, mas quando chegamos lá vimos que não era nada demais: a cabine era super pequena e o banheiro tão pequeno que era quase preciso sentar no sanitário para tomar banho! Os prós é que havia um café-da-manhã bem servido padrão finlandês, sauna (o que na Finlândia é a regra, no caso, não a exceção) e fica próximo a atração mais popular (e legal) da cidade, o Castelo de Turku. No fim das contas, ele foi escolhido por ser a opção mais barata mesmo!

Deixamos as mochilas no hostel e seguimos para o Castelo de Turku. O preço do ingresso é 9 euros para adultos e 5 para estudantes e talvez justamente por não ter expectativas, eu adorei a visita! Ficamos cerca de 2 horas lá e cada sala/exposição trazia uma informação diferente sobre a cidade e a construção do castelo. Como a construção tem mais de 700 anos (entre renovações, ampliações e reconstruções), tudo é cheio de história e eu realmente adorei a visita!

O castelo
O castelo

Saímos do castelo e comemos numa pizzaria, já que era uma opção mais em conta – eu fico impressionada como a Finlândia consegue ser tão cara! Seguimos caminhando pelo Rio Aura e amando o sol que ia se pondo devagarzinho no horizonte! Num certo momento resolvemos cruzar uma ponte para caminhar do lado contrário e vimos muitas pessoas próximo ao local e até achamos que poderia estar acontecendo algum evento. Qual não foi a surpresa ao chegar perto e notar que todos estavam o jogando Pokémon! :/

Pokémon players
Pokémon players

Visitamos a Catedral de Turku, uma igreja diferente “arquitetonicamente” falando. É uma igreja luterana, já que a maioria da população finlandesa é desta religião, considerada uma das mais importantes do país e foi construída no século 13.

catedral
Catedral

Demos mais uma volta pelo centro da cidade e procuramos algum lugar para comer. Ouvimos falar de um bar/restaurante que fica no prédio onde antes funcionava uma escola, mas quando entramos não achamos nada de mais e fomos embora. Acabamos indo num restaurante que tinha um pub no porão, mas o local não estava muito animado e fomos embora.

No dia seguinte, depois do café, fizemos check-out e andamos até o centro da cidade, onde deixamos nossas mochilas no locker da rodoviária. Passeamos pelo shopping, depois fomos a biblioteca da cidade que é sensacional! Tem uma parte com arquitetura mais clássica e outra, que é uma ampliação, bem mais moderna. Se tivesse uma biblioteca como aquela em Oulu acho que não sairia de lá!

A biblioteca
A biblioteca

Almoçamos num restaurante mexicano muito bom e até hoje me bate uma vontade de comer de novo aquele burrito! A ideia era ir ao Museu de História e Arte Contemporânea, mas depois de 10 dias viajando, eu já estava tão cansada que não tinha muito ânimo sobrando para uma visita a museu. Mas para quem estiver mais animado e com tempo, tem vários museus na cidade e vale a pena conferir!

Eu adorei Turku! É uma cidade pequena mas com um ar mais moderninho e agitada que Oulu. No verão acontecem vários festivais e talvez seja mesmo a melhor época do ano para visitar a cidade, mas ainda assim, achei Turku bem bonitinha!

E assim termina a viagem (e a série) de posts sobre minha viagem do fall break! 🙂

Anúncios

2 comentários sobre “Turku, Finlândia

Preciso comentar esse post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s