30 antes dos 30

Faltando 1 ano e meio para fazer 30 anos, ou exatos 549 dias, achei justo fazer uma lista de 30 coisas que eu poderia fazer neste 18 meses que me separam da minha terceira década de vida. Pensei em coisas que realmente podem virar realidade neste tempo, afinal, não faria sentido incluir itens impossíveis. No meu aniversário, em 2017, a gente vê quantos itens eu consegui riscar da lista.

  1. Terminar o mestrado.
  2. Ter conhecido 30 países (foram 21 até agora).
  3. Voltar a morar no Brasil. Sim, Brasil.
  4. Outra tatuagem.
  5. Adotar um gatinho pra chamar de meu.
  6. Voltar a pesar menos de 50kg.
  7. Ver todos os filmes do Woody Allen, meu diretor preferido (vi mais ou menos metade até agora).
  8. Assinar um contrato de exclusividade.
  9. Participar ativamente de algum coletivo feminista.
  10. Voltar a treinar kung fu.
  11. Visitar um estado brasileiro onde nunca estive (visitei 5 e o distrito federal até agora).
  12. Não achar mais nenhum cabelo branco – eu achei o primeiro há umas 2 semanas e quase surtei, mas confio que não aparecerão outros até os 30. Fingers crossed.
  13. Ler metade dos livros que comprei e jamais li.
  14. Aprender a investir dinheiro sem medo. E investir.
  15. Continuar sendo uma mulher sem filhos.
  16. Fazer as pazes com o passado em definitivo.
  17. Aprender a usar minha câmera “boa” comprada em 2013 (né?).
  18. Dirigir, pois tenho carta há 9 anos e atualmente ela só serve como documento de identificação.
  19. Organizar as pastas do meu computador, meus emails, meu HD externo, meu iPod, meu celular, minhas fotos… enfim, minha vida virtual.
  20. Ir a USP a passeio pela primeira vez na vida.
  21. Não ser estúpida com quem me tratou de forma estúpida. Eu não preciso ser o reflexo de uma atitude ruim (isso vai ser bem difícil).
  22. Ter o emprego pelo qual estudei a vida toda. Ou, pelo menos, estar quase lá.
  23. Organizar todo material que uso para aulas particulares por tema/gramática.
  24. Correr. Eu já tive o hábito de ir correr aos finas de semana, mas desta vez queria levar isso mais seriamente.
  25. Assumindo que o item 18 se realize, comprar meu primeiro carro.
  26. Ter meu canto, comprado ou alugado. Talvez no plural, considerando o item 8.
  27. Parar de achar que as pessoas não vão me levar a sério porque aparento ser bem mais nova do que sou – mudança de postura e confiança.
  28. Não ficar calada para evitar discussões. Pois sim, sou de esquerda, de humanas, feminista e à favor de muita coisa que está “em pauta” hoje e muitas vezes prefiro ficar calada para não ter que discutir com quem nunca nem refletiu sobre um tema antes de opinar. Problematizar é a palavra da vez.
  29. Voltar a fazer crochê, arte que aprendi aos 9 anos com minha avó, e ponto-cruz. E por que não aprender a fazer tricô também?
  30. Estar e ser feliz no dia 15 de setembro de 2017.
Um aniversário de 21 anos feliz -EUA, 2008
Um aniversário de 21 anos feliz – EUA, 2008

A maioria das coisas estão, de certa forma, ligadas ao item 3, voltar a morar no Brasil, que é algo que eu realmente planejo fazer assim que terminar o mestrado. É um planejamento de vida de 1 ano e meio que implica estar morando num país onde eu sei bem como as coisas funcionam e minhas possibilidades de fazer as coisas acontecerem. Logo, se algo der muito “errado” e eu não me mudar pra lá, esta lista terá de ser revista em algum momento. São planos e embora 18 meses possa ser um período muito curto, como eu costumo ouvir por estas bandas “a vida acontece” e nada impede de fazermos um ajuste, não é? 🙂

Anúncios

10 comentários sobre “30 antes dos 30

  1. Bia, amei sua lista! Conhecer 30 países antes dos 30 seria maravilhoso, mas eu não vou conseguir bater essa meta. Você já tem ideia de quais países quer visitar?
    Me surpreendeu você dizer que quer adotar um gatinho. Nunca imaginei você uma pessoa que curte animais de estimação! rs
    Também quero muito ter meu canto até os 30… dividir casa com estranhos? tô quase no meu limite! Boa sorte com as suas metas!

    1. Bia

      Tenho ideia de países: Estônia, Noruega, Hungria, República Tcheca, Islândia, Turquia, Marrocos, Uruguai e Chile. Se vai dar? Espero chegar bem perto, pelo menos.
      Eu gosto de gatinhos! ❤

  2. Por que a gente faz essas listas quando chega próximo aos 30?! Eu vou fazer em Fev/2018 e tô na mesma, com várias metas a serem concluídas. De certa forma é uma coisa boa, a gente sente que a vida adulta realmente chegou e concluímos tudo que nos permitiu nossos vinte e todos anos. 😀
    Boa reflexão, Bia.

    1. Bia

      Acho que porque a gente sente que o 30 é o divisor de águas e não tem como mais fugir que já é adulto. A lista serve como um balanço do que você já fez – porque você não vai incluir conquistas, projetos e objetos realizados – e um balanço de tudo que ainda podemos fazer até lá. É o buckets list dos 20s! hahaha…

  3. Isso aí, o negócio é planejar! É EXTREMAMENTE clichê, mas também sou desses que preciso mirar objetivos no futuro. É o que nos trouxe até aqui, e o que vai nos fazer sempre caminhar.
    Adorei a lista, e boa sorte no cumprimento dos seus itens!

Preciso comentar esse post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s