Como é pedalar na neve?

Já comentei algumas vezes aqui no blog que meu meio de transporte em Oulu é a bicicleta. Aqui existe a cultura de pedalar, todo mundo tem bicicleta e pedala para todo lugar. A cidade conta com 800km de ciclovias e rotas de bike que te levam a qualquer lugar. É muito comum ver bicicletas com cadeirinhas de crianças, crianças indo para escola de bicicleta, bicicletas paradas em todo lugar.

Não acredita em mim? Assista os primeiros 1:20 do vídeo mostrando todos os lugares em Oulu por onde eu já pedalei (e assista até o final para ver como aqui é lindo).

Claro que a cidade não é tão grande assim e eu vou essencialmente para a universidade, que fica a 800 metros da minha casa (ai, gente, preguiça de andar) e para o centro da cidade, que fica a 6km de onde moro ou no mercado a 4km. Mas pedalar com clima bom qualquer um pedala, não é mesmo? Bem, nunca vi uma tempestade aqui, já que chuva em Oulu é o que em São Paulo a gente chama de garoa. Aqui não venta também, então chuva e vento não atrapalham, mas… e no inverno?! Como é pedalar na neve?

I want to ride my bycicle...
I want to ride my bicycle…

Quando cheguei aqui me falaram que era muito perigoso pedalar na neve e no inverno eu deveria pegar o ônibus. Mas eu não quis acreditar sem tentar e moral da história: eu continuo pedalando no inverno. Sim, eu já caí, derrapei e capotei algumas vezes. Não, eu não quebrei nenhum osso e nem me machuquei feio. Sim, eu incentivo as pessoas a tentarem pedalar também, com cuidado e sabendo seus limites.

As fases da neve

Antes de morar em Denver, no Colorado, eu achava que uma vez que a neve caiu, ela ficava acumulada o resto do inverno e era sempre branca, linda e fofa. Bem, a parte de acumular até o fim do inverno é verdade aqui em Oulu (está tudo branco desde o fim de novembro e a neve não derreteu completamente desde então), mas em Denver não, a temperatura era mais amena lá e ela derretia. A neve também não fica linda e fofa o tempo todo e isto é muito importante saber quando se pedala.

Quando a neve cai, ela é bem fofa, parece areia da praia. É ruim pedalar quando está assim porque conforme outras bicicletas vão passando, vão deixando marcas na neve e fica tudo meio esburacado, então, a bicicleta fica bem instável. Mas isso só é ruim se você vai pedalar assim que a neve caiu ou quando ainda está nevando, porque via de regra, tem sempre um caminhão passando em todas as vias para retirar o excesso de neve e deixar o caminho nivelado. Depois de alguns dias sem nevar, a neve fica “batida” e é como se você estivesse pedalando no asfalto mesmo, não é escorregadio. É a melhor época para andar de bicicleta no inverno.

É tipo assim
É tipo assim, mas pode ser bem pior se tiver nevado muito antes do caminhão passar

Apesar de ser inverno, alguns dias as temperaturas sobem um pouco e basta passar de 0 para a neve começar a derreter. O máximo que tivemos neste inverno até agora foi 4 graus e embora não seja suficiente para derreter toda a neve, mesmo que fique uma semana seguida assim (tem muita neve acumulada), é o suficiente para deixar a cidade uma “meleca”. A mistura de resto de neve com neve derretida pode ser um pouco escorregadia, mas ainda assim, tomando cuidado, é possível pedalar. O problema aqui é o mesmo de quando a neve acaba de cair: as bikes vão fazendo marcas na neve derretendo e isso pode desestabilizar a bicicleta. Quando isso acontece, ao invés de ter um caminhãozinho afastando a neve para os lados da rua, temos o caminhão que passa jogando cascalho na via para dar mais aderência e evitar acidentes.

Bendito seja o cascalho
Bendito seja o cascalho! Reparem que é gelo com água com neve com cascalho! Ufa!

Bom, pense agora que depois que esquentou um pouquinho, a temperatura volta a cair para abaixo de 0. O que acontece com aquela neve que virou água e acumulou nas ruas? Vira gelo! Gelo é o que tem nos rinques de patinação e as pessoas conseguem patinar porque escorrega… logo, esta é a fase mais perigosa de se pedalar no inverno. As vias ficam extremamente escorregadias e mesmo com o cascalho nem sempre é fácil pedalar. Quando fica assim, eu não me atrevo a sair de bicicleta! As ruas só voltam a ficar seguras quando neva novamente, a neve fofa volta a cobrir tudo e o ciclo se repete.

Acidentes acontecem

Porém, como contei logo no início, é claro que eu já caí algumas vezes e já tive imprevistos pedalando por conta da neve. Posso dizer que a maioria dos acidentes que tive foi mais falta de atenção minha do que a neve em si, ou seja, poderiam ter sido evitados – mas este é só meu primeiro inverno pedalando, ainda tenho muito a  aprender. Eu já caí porque:
– Fui arrumar a touca do casaco, me desequilibrei e derrapei num dia que a neve derretida estava virando gelo;
– Estava distraída, perdi a rua que ia virar a esquerda e quando tentei virar em cima da hora, me desequilibrei e caí num monte de neve;
– Estava saindo de um túnel, portanto numa ladeira subindo, e a neve estava irregular por conta das marcas de pneu de bicicleta. Novamente me desequilibrei, perdi o controle da bicicleta e acertei os 50cm de neve acumulada no canto da via – nem caí, porque a neve parou a bicicleta.

Isto para citar alguns exemplos. Além disso, já fiquei na mão num dia que fui ao centro da cidade, acumulou neve entre o pneu frontal e a proteção que fica em cima dele. No tempo que a bicicleta ficou parada para eu fazer o que precisava, a neve virou gelo e travou meu pneu. Lá fiquei eu, debaixo de neve e em temperatura negativa, usando minha corrente-cadeado pra tentar tirar a neve acumulada e voltar para casa.

E se você acha que sou um dos poucos seres que se atreve a pedalar nestas condições, leia este artigo aqui  (em inglês) e veja que somos muitos!

Roupas para pedalar

Bem, está frio e é claro que você precisa se proteger. Eu diria que até -10 não é necessário nenhuma roupa especial, especialmente porque pedalar aquece o corpo e se você vestir muitas camadas, vai assar! Eu uso as mesmas roupas que usaria para andar: calça térmica, jeans, camiseta, suéter e casaco. O ideal é que a primeira camada não seja de algodão, pois até -10 você transpira sim e o algodão absorve o suor, fica encharcado e rouba o calor do seu corpo. Luvas boas e touca ou protetor de orelha são essenciais! Se a temperatura estiver entre -11 e -20, eu coloco calça de inverno, tipo aquelas de ir esquiar, e uma camada extra – e não dá para transpirar nessa temperatura! Se estiver menos que -20, simplesmente não dá para tentar pedalar por muito tempo, pois por mais agasalhado que você esteja, seu rosto estará descoberto e vou te contar uma coisa: DÓI.

Tenho certeza que a bicicleta fará sempre parte das minhas lembranças de Oulu e daqui alguns anos vou dizer contando vantagem que “quando eu morava em Oulu, eu andava de bicicleta na neve”! 😉

Anúncios

4 comentários sobre “Como é pedalar na neve?

  1. Adorei esse post! Eu, bicicleteira há mais de 2 anos já, adoro aprender mais sobre condições climáticas vs bicicleta. Cara… essa fase do gelo que derrete e vira gelo de novo deve ser foda! Já passei um pouco por isso aqui, mas é raro. Esse ano mesmo não aconteceu e nem acho que vai acontecer! Deve ser uma delícia pedalar quando a neve tá gostosa e nivelada, né? Super crocante! hahahhaa

    1. Bia

      Hoje em dia é tão parte da minha vida pedalar que estar nevando nem é empecilho pra trocar a bicicleta pelo ônibus. Nesta vida nos acostumamos a tudo.

  2. M-e-u-D-e-u-s! As raras vezes que andei, a pé mesmo, na neve (na Suiça e na “neve” que caiu alguns dias aqui em Dublin) eu já tomo 3x mais cuidado pra não cair, imagina de bicicleta, que já tenho receio no asfalto?! Às vezes penso que sou a pessoa menos corajosa do mundo!
    Espero que você não passe dessas quedinhas simples mesmo! Cuidado e juízo, menina!

Preciso comentar esse post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s