São Petersburgo – Sangue Derramado, parque e aeroportos

E no terceiro dia em São Petersburgo, mais chuva!

Fomos até a Igreja do Salvador do Sangue Derramado, a única igreja da cidade que faz jus à nossa ideia do que é uma igreja russa ortodoxa! Era quarta-feira e todas as igrejas e catedrais da cidade fecham para visitação. Claro que nós sabíamos disso, mas naquele dia a ideia era só passar em frente e dar uma espiada.

Esse tempo cinza não ajuda ninguém!
Esse tempo cinza não ajuda ninguém!

Na parte direita da foto dá para ver umas “casinhas” brancas, que são barraquinhas de souvenir. Fique esperto ao parar e olhar, pois os vendedores são muito insistentes e enchem muito a paciência. O ideal é nem parar! Na Nevsky Prospekt tem muitas lojinhas de souvenir que você pode entrar e olhar à vontade sem ninguém te enchendo. Por outro lado, nestas barraquinhas você pode pechinchar e nas lojas isso é mais difícil.

Apesar do dia cinzento e com chuvas intermitentes, fomos dar uma volta no parque ao lado da igreja, o Jardim de Mikhailovsky, pois apesar de o tempo não estar para isso, eu achei as árvores de tronco escuro e sem folhas da cidade muito bonitas.

Acho lindo!
Acho lindo!

O dia não estava muito inspirador, então resolvemos ir almoçar no Burger King mesmo (que tem combos com o preço sensacional de 200 rublos), voltar ao hostel para pegar nossas mochilas e seguir para o aeroporto.

Nossa, Bia, mas você foi embora de São Petersburgo sem entrar na igreja mais famosa da cidade? Fui. Mas tudo foi friamente calculado e a gente ainda iria voltar e passar um quarto dia por lá, então ainda havia tempo. 🙂

São Petersburgo tem apenas um aeroporto, o Pulkovo, e é muito fácil e barato chegar lá de transporte público. Pegamos o metrô até a estação Moskovskaya pagando o ticket de 31 rublos. De lá, pegamos o ônibus 39 que custa 28 rublos e para em frente ao aeroporto. Pegamos o transporte fora de hora de pico e a viagem de ônibus levou 20 minutos até lá e todo trajeto saiu por 59 rublos ou cerca de 80 centavos de euro. Para comparar, a passagem de ônibus em Oulu custa 3,30 euros em dinheiro ou a pechincha de 2,o5 com o “bilhete único”.

Achei esquisito que logo na entrada, antes mesmo de fazer o check-in, tivemos que passar pela segurança e eu não sei se isso é um procedimento padrão que sempre existiu na Rússia ou se tem relação com uma possível ameaça de ataque terrorista. E passamos pela segurança novamente antes de embarcar, claro. O aeroporto é moderno e confortável e, aparentemente, a cada 10 voos, 11 são para Moscou, já que perdi as contas de quantas vezes eu ouvi anunciarem que um voo para lá mudou de portão de embarque ou estava pronto para embarcar. Bem, e é óbvio que nós também estávamos indo para a capital russa!

Quando resolvemos ir para a Rússia, a ideia era só conhecer São Petersburgo mesmo, mas por curiosidade eu quis checar quanto estava um voo para Moscou e quando achei ida e volta por 52 euros, não tive dúvida que iria conhecer as duas principais cidades do país!

Voamos de Aeroflot, uma companhia russa, e o voo foi bem confortável, dura apenas 1h20 e servem lanchinho. A capital tem quatro grandes aeroportos e chegamos no Sheremetyevo, que é enorme, no finzinho da tarde. Levamos quase meia hora a pé para ir do avião até o local de onde saía o trem expresso para a cidade.

Chegando em Moscou
Chegando em Moscou

Cadastro na imigração e a malandragem

Quando pedi dicas para amigos brasileiros aqui de Oulu sobre a Rússia, eles comentaram que apesar de nós não precisarmos de visto para entrar como turista, o governo exigia que fosse feito um cadastro na imigração para quem fosse ficar mais de 72h no país e que isso poderia ser feito no hostel mesmo. Então, já fui para lá com isso na cabeça.

Chegando no Simple Hostel, aquele que eu comentei que foi um achado por ser bem localizado, limpo, seguro e tranquilo, a funcionária logo no check-in já pediu a taxa de 250 rublos/cada para que ela fizesse nosso cadastro. Pagamos e ela nos deu um comprovante que dizia que ficaríamos 3 dias na cidade e eu questionei porque ela não tinha feito o cadastro para o período todo da visita. Ela me disse que só podia fazer pelos dias que ficaríamos hospedados lá. Já fiquei meio p*t@ da vida, porque isso significava ter que pagar novamente em Moscou…

Agora é a parte da malandragem que só descobri depois, quando já estava em Moscou.

De fato, estrangeiros que entram como turista na Rússia precisam fazer um cadastro com a imigração, o que não fica claro em lugar nenhum é como e quando isso deve ser feito e quando se passa pela imigração ao entrar no país, é óbvio que ninguém explica isso também. Mas depois de pesquisar muitos sites da internet e conversar com o staff do hostel em Moscou (que cobrava 500 rublos pelo serviço), descobri que a regra é que o cadastro deve ser feito em cada cidade que o turista visita se, e apenas se, for ficar mais de 7 dias úteis naquela cidade. Eu não posso afirmar aqui que essa informação é 100% correta, porque eu mesma não achei nada em nenhum site oficial do governo russo (não numa língua que eu entendesse, pelo menos), mas foi o que achei em sites de viagem “cavucando” muito o Google e como acredito que o hostel de Moscou teria interesse em pegar meus 500 rublos, não teriam porque falar que não precisava fazer o tal cadastro e até citando exemplos de outros turistas que passaram por lá e não o fizeram. Eu também encontrei na internet sites informando que caso um turista não se cadastre, o estabelecimento que o recebeu também é punido com multa, logo, o hostel tem muito interesse que o cadastro seja feito, se for o caso.

E o que aprendemos nessa história? Que o Simple Hostel nos passou a perna! Por sorte, 250 rublos era o equivalente a uns 3,50 euros, mas que eu fiquei indignada com isso, fiquei! É óbvio que um hostel sabe das regras e é óbvio que eles sabiam que nós não precisávamos fazer esse cadastro, mas como esta taxa cobrada é do hostel, não do governo, é conveniente para eles que os hóspedes façam. Então, se você é brasileiro e pretende visitar a Rússia, não pague esta taxa se for ficar menos de 7 dias úteis numa cidade e, se possível, procure sites que deem essa informação em inglês e mostrem no hostel se tentarem te passar a perna (procurem sites que pareçam “mais oficiais”, eu achei alguns, mas não tenho mais os links – pesquisa feita no celular na hora do desespero). Ainda assim, eu recomendaria o Simple Hostel pelos motivos já citados, só não deixem que enganem vocês também.

E nos próximos posts, Moscou!

Anúncios

8 comentários sobre “São Petersburgo – Sangue Derramado, parque e aeroportos

  1. Poxa Bia! Você não conhece o blog da Lu Russa? Ela morou na Russia trocentos anos e sempre volta lá! Tudo que vc possa imaginar de informação sobre ir a Rússia tem lá no blog dela, super bem explicadinho 🙂 e em português! Da próxima vez já sabe rs

    1. Bia

      Não conhecia não e o blog dela nunca apareceu nas minhas buscas do Google antes de ir pra lá nem quando estava pesquisando sobre esse cadastro na imigração. Bem, agora sei pra próxima vez mesmo! 🙂

      1. Bia

        Dei uma fuçada no blog e ela também não dá esta informação! No post em que fala sobre o registro com a imigração, ela só diz que precisa se registrar em cada cidade que o turista for, mas não menciona que isso só deve ser feito se o turista ficar a partir de 7 dias úteis. Enfim, é realmente complicado achar informação sobre a Rússia… mas gostei da dica, não conhecia mesmo o blog dela. 🙂

  2. Noooooooossa, fiquei chocada aqui. Esses russos, hein? Fiquei pensando em você, altas horas da madrugada, procurando informações sobre a Rússia na internet, hahaha! Quando eu tiver coragem de ir pra lá com certeza usarei o seu blog e esse que sugeriram nos comentários… 🙂

    1. Bia

      Procurando informação e mandando mensagem pra todo mundo que eu conhecia que já havia ido pra Rússia pra saber se tinha pagado a bendita taxa toda vez que mudava de cidade!

Preciso comentar esse post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s