Casais preferidos

Outra semana que não dá muito para falar de Irlanda, então, vou falar dos meus gostos em geral.

Semana 24 – Casais preferidos

1- Amélie e Nino

Gosto do jogo de gato e rato que Amélie faz com Nino. A moça resolve tornar a vida de todos a sua volta mais feliz, mas tem medo de encarar a própria felicidade que, aparentemente, vai se concretizar ao lado de Nino. Não sabemos como a história terminou, mas o recém casal parece bem feliz no fim de O fabuloso destino de Amélie Poulain.

2- Tom e Summer

Ele se apaixonou e ela alertou: não gosto de ser a namorada de ninguém. Ela não quis dar rótulos e ele quis chamar de namoro. Ela terminou e ele ficou arrasado. Mas Summer foi sincera e Tom que criou expectativas. Na verdade, eles nunca foram bem um casal e no fim de 500 dias com ela, Summer não só é a namorada de alguém, mas a noiva. Ah, o amor!

3- Joe e Clementine

Uma menina de cabelos coloridos se apaixona por um cara bem do estilo “ninguém nem nota”. Eles têm seus problemas, terminam e Clementine decide apagar Joe de sua memória. Mas aí eles se apaixonam novamente. Eh, amor a gente não decide, nem quando a memória é apagada como em Brilho eterno de uma mente sem lembranças.

4- Jesse e Celine

Jesse convence Celine a descer com ele em Viena e aproveitarem um dia juntos, mesmo que os dois jamais tenham se visto até então. Celine se deixa levar pelo rapaz e Antes do amanhecer, eles prometem se encontrar novamente. Nove anos depois, em Antes do por do sol, descobrimos que Celine não cumpriu a promessa e deixou Jesse esperando. Eh, a vida tem dessas. Outros nove anos depois, vemos um casal com duas filhas viajando pela Grécia e discutindo suas diferenças Antes da meia noite. Até a história de amor mais excitante pode se transformar num casamento estável depois de alguns anos.

5- Luísa e Basílio

Luísa era casada, mas acreditou no primo Basílio que está de passagem em Lisboa, mas quer um “romance”. A empregada descobre o adultério e a chantageia… nos romance do século XIX, é comum os personagens morrerem de amor ou de desgosto e assim, Luísa se despede da vida deixando Basílio frustrado ao perder sua amante em O Primo Basílio de Eça de Queirós. Para ela era mor, para ele, apenas sexo.

Anúncios

2 comentários sobre “Casais preferidos

  1. Como realista que sou voto no casal Jesse e Celine. Em minha visão somente eles encararam bem a realidade do sentimento deles. Tom e suas expectativas, Amelie e sua incerteza, Luísa e seu impulso e por fim Clementine e sua mentira para si mesma…

Preciso comentar esse post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s