O mundo segundo os brasileiros – Dublin

O mundo segundo os brasileiros é um programa que mostra diversas cidades do mundo a partir do ponto de vista de brasileiros que nelas moram. Confesso que apesar de já ter ouvido falar do programa, nunca havia assistido. Até que fiquei sabendo que a edição desta semana (quinzena? mês? não sei com que frequência o programa é exibido) seria sobre a saudosa Dublin.

O programa estava marcado para começar à 0h30 e mesmo sabendo que na terça eu teria que acordar super cedo (mentira, nem acordo tão cedo assim para o padrão paulistano) para trabalhar, quis esperar o programa começar porque a Bárbara teria seus 15 minutos de fama mostrando alguns pontos turísticos. Mas acabei cochilando sem dó no sofá e as coisas só deram certo porque pontualidade não é o forte da Band, ao que tudo indica, e quando acordei com o barulho da chuva, à 1 da matina, o programa estava começando. Agora você me diz se começar a chover bem na hora que um programa sobre Dublin começa a ser exibido é ou não é algo subliminar? No mínimo, suspeito. Humpf…

O programa quis mostrar muito e não mostrou nada! Como nunca assisti nenhum outro, não sei bem dizer se é este mesmo o objetivo, dar uma pincelada sobre pontos turísticos e curisiodades sobre o local para o telespectador ficar com vontade de pequisar mais depois, porém achei tudo muito superficial e vago. Quem nunca foi para Dublin fica sabendo um pouquinho sobre muita coisa, mas sem muita informação a respeito.

O programa foi apresentado por 6 pessoas. Não sei se cada um escolheu o que queria mostrar ou se os produtores deram algum direcionamento, só sei que ficou estranho, meu! Primeiro que se o programa é sobre Dublin, não entendi o que Belfast estava fazendo lá, já que a cidade fica na Irlanda do Norte que faz parte do Reino Unido e tem até outra moeda, a Libra. Tipo, oi? E segundo, por que não mostraram o Phoenix Park que é apenas o maior parque da Europa, um parque que de tão grande tem até Zoologico e a casa do presidente da Irlanda dentro? Por que não falaram praticamente nada sobre o Rio Liffey? Nenhum comentário sobre a O’Connell Street? Por que não visitaram o Dublinia, o museu que conta a origem da cidade? Por que? *ajoelhada/puxando os cabelos/olhando para o céu*

Pelo menos, mostraram a fábrica da Guinness (que eu nunca visitei basicamente porque não bebo cerveja e não tinha tanta curiosidade em saber seu processo de fabricação), falaram um pouco da St. Patrick’s Cathedral e da Christchurch e a Trinity College e a Grafton Street apareceram um tiquinho de nada. Ah, o Temple Bar foi até que bem explicado também.

A parte mais chata mesmo pra mim foi ver cenas das ruas de Dublin e muitas memórias virem à minha cabeça. “Olha o ponto que eu pegava ônibus para ir pro trabalho de manhã!”, “Nossa, já passei mil vezes nessa rua!”, “Poutz, já atravessei essa ponte um milhão vezes!” e coisas do tipo e saber que todos estes lugares que formam um mapinha na minha mente agora fazem parte das lembranças apenas. Os lugares eram tão familiares que fica até difícil acreditar que há um oceano nos separando. Fiquei muito nostálgica.

Deixando o mimimi pra lá, para quem não viu, para quem já viu e quer ver de novo, para quem quer saber um pouquinho sobre a Irlanda ou para quem não tem o que fazer mesmo, taí o link para ver o programa completo. A partir do minuto 39, o programa fica muito melhor com uma moça de cabelos rosas! Aliás, A Bárbara conta aqui suas impressões sobre o programa também. 🙂

Anúncios

3 comentários sobre “O mundo segundo os brasileiros – Dublin

  1. François

    Poxa, mesmo não conhecendo Dublin eu achei super fraco o programa, aliás, conheço Dublin desconhecendo, haha, de tanto que já pesquisei sobre a cidade me pareceu que o programa deixou de mostrar muita coisa, achei super chato e cansativo, já houveram edições muitos melhores de outros países.

  2. “moça de cabelos rosas” ❤

    Bia, valeu pela divulgação! Também achei o programa fraco, faltou mostrar coisas bem relevantes na cidade e tudo aquilo que você comentou. Pra quem não conhece Dublin, até dá pro gasto, mas não é o ideal….

Preciso comentar esse post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s