Brasileiras vs. Coreanas

Eu sou minoria na casa. E no quarto também, já que divido meu humilde cafofo com duas coreanas. Quando me mudei fiquei com medo de me sentir foreveralone sozinha dividindo o quarto com pessoas que têm uma cultura tão diferente da minha. Felizmente, não aconteceu nada disso.

E por que é legal morar com pessoas de outras nacionalidades?
Se você achou que eu iria dizer “pra praticar inglês”, sinto te (lhe?) decepcionar, mas não.

É legal porque às vezes fico horas conversando sobre minha cultura e ouvindo sobre a outra cultura. Porque eu percebo que o mundo é muito maior do que eu imagino. Porque o que é normal pra mim, pode ser um tabu para o outro. Ou vice-versa. Porque eu dou risada de alguns conflitos culturais. Porque eu experimento comidas com nomes que eu não consigo pronunciar (e às vezes eu gosto, viu?). Porque eu dou um nó no cérebro tentando entender sotaque coreano carregado e me viro para ser entendida em inglês, porque eu sei que não posso apelar para o português.

Vocês se lembram que eu falei para minha flatmate coreana das maravilhas de ter pelos loirinhos no braço, não? Pois bem, ela não teve alergia nenhuma e no dia seguinte, depois do almoço, lá veio ela pedir para ficar loira, como ela diz. Preparei a mistura, expliquei como ela deveria passar e 10 minutos depois… uma coreana super mega hiper feliz com os pelos do braço descoloridos surgiu! Mission accomplished! Agora ela mostra seus braços dourados sempre que pode!

Aí que no último domingo fomos a um churrasco brasileiro no vizinho (a pessoa que vai morar na Irlanda e nunca comeu um tradicional fish’n’chips, mas vai em churrasco… tsc tsc) e as coreanas foram junto. Explicamos que às vezes se leva algum prato para acompanhar o churrasco e elas decidiram que queriam levar um tal de jap chae. Desde o dia que elas me deram kimchee (aprendi o nome) para provar (aquela bomba atômica de pimenta), eu sempre desconfio de tudo que elas me oferecem. Mas o tal jap chae é bom, viu? Não tem pimenta!

Apresento-lhes o Jap Chae! (E é óbvio que eu comi com garfo, né?)

Este prato, basicamente, é um macarrão feito de batata doce misturado com legumes. Eu achei muito gostoso e olha que pensei que nunca conseguiria gostar de comida asiática (eu não gosto de comida japonesa, por exemplo… eca!).

Mas eu falei que fomos a um churrasco, né? Elas provaram vinagrete, maionese e farofa e adoraram. Estou sentindo que as coreanas estão se abrasileirando e esta brasileira está começando a ceder à cultura/ culinária coreana. Será?

Elas me perguntaram se eu sabia fazer farofa. Sou filha de baiana, mas tipo assim, não. Mesmo assim, prometi fazer farofa de cenoura para elas. O único detalhe é que eu nunca fiz isso (só comi) e elas serão minhas cobaias… Mwahahaha…

[continua…]

Anúncios

9 comentários sobre “Brasileiras vs. Coreanas

  1. Estou amando seus relatos sobre as coreanas! Minha irmã é fascinada por cultura oriental, até faz aulas de japonês e entende um pouco de coreano. Eu bem que gostaria de ter contato com alguns asiáticos pra contar pra ela como é 🙂

  2. Caramba, eu sou muito fascinada na cultura da Coréia do Sul, comidas, roupas, idiomas, o corpo super magro e lindo das mulheres, e aqueles homens de olhinhos puxados que são perfeitos, eu imagino como foi boa sua esperiência . Sou muito viciada na Coréia, e faria de tudo pra conhecer lá pessoalmente,{um dia eu vou} !!!

  3. Lis

    Ameii , também sou baiana e não sei fazer farofa kkkk , gostei como descreveu tudo mas….. cadê a continuação ? kkk fiquei super curiosa , tem mais ? =D

  4. Miriam

    Eu comecei a gostar da cultura coreana a algum tempo. E cada dia que passa, esse desejo de aprender mais sobre o país, a cultura e costumes só aumenta..

Preciso comentar esse post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s